Archive for Julho, 2008

Amélia

Julho 10, 2008

Amélia

 

(…)

Era uma vez um país

Na ponta do fim do mundo 

Onde o mar não tinha eco  

Onde o céu não tinha fundo

Onde longe longe longe

Mais longe que a luz do dia

Mais longe que a flor da sombra

Ou a flor da ventania

Uma princesa nascia

Da corola do seu tempo

Enquanto a neve caía

Dos seus dois braços de vento.

 

José Carlos Ary dos Santos (1937 / 1984)

 

 

 

Neste tempo de santos populares o pátio da casa encheu-se do cheiro da sardinha assada e das marchas, numa festa bem portuguesa…   

                                                 

 

 

 

 

                                                                 

 

 

 

 

 

 

 Mas foi muito mais do que isso.  

Com aromas de tinto e de rum, não faltou também  o ritmo e calor da rumba, da salsa e do merengue, e até das sevilhanas, num diálogo de culturas, de aproximação, descoberta, aceitação e enriquecimento.

E muita, muita alegria!   

 

  

 

 

 

 
 
 

 

 

 

 
 
 

 

 

 A história começou há 4 anos, com a chegada da Amélia a Portugal, dentro do programa AFS, vinda do calor da República Dominicana.    

Chegou, conquistou, cresceu e venceu!…    

Aos poucos o longe faz-se perto, criam-se laços entre a família de lá, e a de acolhimento de cá. E neste encontro de culturas tecem-se amizades. E o eco decerto perdurará.   

 

 

E todos veremos a nossa princesa voar cada vez mais alto…