Rosas, beleza efémera…

Coroai-me de rosas;

     Coroai-me em verdade

   De rosas  –

 

 

 

 

Rosas que se apagam                                             

Em fronte a apagar-se

Tão cedo!

Coroai-me de rosas

E de folhas breves.

(Fernando Pessoa/Ricardo Reis )                   Fotos de Carlos Búrcio

                       

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: